Pular para o conteúdo
29/11/2020 16:30:51 - Farroupilha / RS
Acessibilidade
Atualizado em 24 de julho de 2019

Subcomissão de Ética aguarda defesa de vereador suplente

A subcomissão de ética que analisa o caso envolvendo o suplente de vereador Raul Herpich apresentou nesta semana as representação contra o investigado, possibilitando sua ampla defesa em um prazo de três semanas, conforme rege a Resolução 390 – Código de Ética Parlamentar.

A subcomissão, composta pelo relator Odair Sobierai, revisor Jonas Tomazini e presidente da Comissão, Fabiano Piccoli, foi criada no dia 16 de julho, após representação protocolada pelo vereador presidente Sandro Trevisan. O trabalho têm como base a investigação do Ministério Público (MP) referente as movimentações financeiras das Cooperativas Habitacionais: Meu Pedaço de Chão e Terra Nossa.

Segundo o documento apresentado por Trevisan, cabe a subcomissão de Ética a análise da possibilidade de Herpich ter quebrado o decoro parlamentar maculando a imagem do Legislativo farroupilhense.

A Casa Legislativa já solicitou a Justiça maiores informações sobre o processo, ao mesmo tempo em que aguarda o posicionamento de Herpich sobre o assunto. Após colhidas as informações, a subcomissão terá o prazo de três semanas para apresentar o seu parecer . O mesmo será apreciado em votação pela Comissão de Ética, Constituição e Justiça, e posteriormente em Plenário por todos os vereadores.

Texto e foto: Gabriel Venzon | MTE 18.804