Pular para o conteúdo
28/09/2021 22:30:12 - Farroupilha / RS
Acessibilidade
Atualizado em 10 de junho de 2021

Secretários expõem estratégias sobre o comércio ambulante

Reunidos na tarde desta quinta-feira, a Comissão Especial sobre o comércio ambulante recebeu os Secretários Jorge Cenci de Habitação e Assistência Social; Plinio Balbinot de Finanças e Cristiane Girelli Chiele de Planejamento, cujo propósito é nortear o parlamento sobre as ações desenvolvidas pelo Executivo para os ambulantes em Farroupilha.

A atuação do comércio ambulante é predominantemente realizada por migrantes e imigrantes, que buscam no centro da cidade regiões com grande fluxo de pessoas para venda de produtos oriundos de São Paulo. Segundo Balbinot, o trabalho é considerado regular quando o mesmo tiver um Alvará de Referência, atuar sem um ponto fixo e fora da área de estacionamento rotativo (zona azul).

Recentemente um público de imigrantes senegaleses esteve em contato com a Câmara de Vereadores na busca de melhores condições para seu comércio. Segundo expôs o presidente da Comissão, vereador Juliano Baumgarten, são cerca de 10 imigrantes atuando nas ruas da cidade. Visando maior flexibilidade e segurança, os ambulantes buscam um espaço fixo para venda. Para isso, a secretária Cristiane analisará a possibilidade de criação de um centro de comércio popular em Farroupilha.

Enquanto isso, Cenci, através da Pasta de Assistência Social busca a inserção dos ambulantes no mercado de trabalho. Segundo o secretário, já há outros imigrantes atuando em indústrias da região. Atualmente Farroupilha apresenta uma grande demanda de vagas, porém, a ausência de qualificação impacta nas contratações.

A reunião contou também com a presença dos vereadores Felipe Maioli e Gilberto do Amarante. O próximo encontro está previsto para ocorrer junto com as entidades do terceiro setor.