Pular para o conteúdo
28/05/2024 07:44:32 - Farroupilha / RS
Acessibilidade
Atualizado em 7 de maio de 2024

MOAB aborda o atendimento de autistas na Saúde e Educação

Presente da Sessão, o Movimento Orgulho Autista Brasil (MOAB) de Farroupilha externou sua preocupação no atendimento de portadores do transtorno de espectro autista (Tea) na cidade. Representados pela Flavia Wosniak e Josiane Borges, a entidade elenca Família, Educação e Saúde como base de desenvolvimento cognitivo do autista.

Diante disso, o Movimento busca combater a omissão de pais frente ao diagnóstico de autismo de seus filhos. Segundo elas, 1 a cada 30 crianças é avaliada com Tea, e mesmo com os índices apresentados e legislações que amparam os direitos de autistas, as famílias encontram dificuldades na prática, aponta Flávia.

Programa do Governo do RS, o “TEAcolhe” é um centro de atendimento integrado para portadores do espectro autista. Porém a base de referência de Farroupilha é o município de Feliz, tornando a viagem de uma hora, desconfortável ao portador, explica a MOAB que explicita a vantagem de tornar Caxias do Sul a referência por conta de um deslocamento mais curto, ou até mesmo galgar a instalação deste centro no município farroupilhense.

Ainda no âmbito da saúde, o Movimento aponta a falta de profissionais da área de fonoaudiologia, o que dificulta no tratamento. Através do SUS, ingressar com as terapias cognitivas em Farroupilha podem demorar cerca de um ano.

A Educação em Farroupilha demonstrou uma evolução, havendo uma gama de professores e monitores capacitados. O levante inicial de capacitação ocorreu em parceria com a Amafa, porém consta-se pelas mães do MOAB que a ação supre a demanda, não ocorrendo de forma preventiva esta capacitação entre professores, ou seja, o docente confronta-se com a situação para buscar a capacitação.

Os vereadores reconheceram a importância do MOAB Farroupilha e colocaram-se a disposição para fortalecer a educação inclusiva no município e tornar o tratamento de jovens autistas o menos desconfortável tanto para eles como para seus tutores legais. A Amafa no último ano ampliou suas vagas de atendimento, e pode ser uma ferramenta importante na otimização de um Programa “TEAcolhe” em Farroupilha.

Programação