Pular para o conteúdo
03/08/2021 06:32:42 - Farroupilha / RS
Acessibilidade
Atualizado em 9 de março de 2020

Campanha da Fraternidade busca irmandade entre as pessoas

Presente na Sessão por convite do vereador Fabiano Piccoli, o padre Paulo Gasparetto explanou para os vereadores e público presente sobre a Campanha da Fraternidade 2020. O movimento iniciou no dia 26 de fevereiro, data que antecede os 40 dias da Páscoa.

Este ano, com o tema: “Fraternidade e Vida: dom e compromisso”, a Igreja Católica busca combater a violência e incentivar as relações de mútuo cuidado entre as pessoas, famílias e comunidades, conforme explica o pároco.

Gasparetto enfatiza a desigualdade social como um fator que afasta as pessoas. Conforme sua explanação, 22% dos jovens brasileiros vivem em situação de extrema pobreza. Outro dado exposto é o índice de pessoas com doenças emocionais, tornando o Brasil o país com o maior número de casos de ansiedade e depressão da América Latina.

Ao encontro do tema, o padre convidou Valdecir Bergamin para apresentar o “Esquadrão da Vida” projeto instalado em Farroupilha a cerca de 5 meses com o intuito de acolher dependentes químicos. A Casa estabelecida em Linha Alencastro, atende 18 pessoas, tendo o trabalho voluntário de 11 membros.

A Campanha da Fraternidade foi criada em 1964, tendo suas diretrizes projetadas pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

 

 

Texto-base bíblico da Campanha da Fraternidade 2020:

Mas um samaritano, que ia de viagem, chegou ao pé dele e, vendo-o, moveu-se de íntima compaixão; E, aproximando-se, atou-lhe as feridas, deitando-lhes azeite e vinho; e, pondo-o sobre o seu animal, levou-o para uma estalagem, e cuidou dele; (Lucas 10:33,34)