Pular para o conteúdo
04/10/2022 04:05:55 - Farroupilha / RS
Acessibilidade

Ata 4210 – 05/07/2022

SESSÃO ORDINÁRIA

 

Presidência: Sra. Eleonora Peters Broilo.

 

Às 18 horas a senhora presidente vereadora Eleonora Peters Broilo assume a direção dos trabalhos. Presentes os seguintes vereadores: Calebe Coelho, Clarice Baú, Cleonir Roque Severgnini, Davi André de Almeida, Eurides Sutilli, Felipe Maioli, Gilberto do Amarante, Juliano Luiz Baumgarten, Mauricio Bellaver, Sandro Trevisan, Tadeu Salib dos Santos, Thiago Pintos Brunet e Tiago Diord Ilha.

 

PRES. ELEONORA BROILO: …ocupem os seus lugares. Vamos dar início à sessão do dia 5 de julho. A música que iniciou hoje a nossa sessão ‘Amazing Grace’ teve um motivo muito especial para ser escolhida; essa música foi orquestrada na Basílica da Sagrada Família em Barcelona, uma das melhores acústicas da Europa. Mas a escolha dessa música foi por causa do aniversario de uma pessoa muito especial que eu tive o prazer e orgulho de conhecer e conviver com essa pessoa nos últimos dois a três anos da minha vida. E eu queria dizer que a convivência com ela me tronou com certeza uma pessoa melhor. Parabéns doutora Clarice, parabéns, eu amo você. Dando continuidade a esse acelera coração eu gostaria que o Rose colocasse, claro que com a permissão dos nobres colegas, um áudio que vem lá de Portugal que vem da filha Bianca que está morando em Portugal e que não pode dar para ela o que ela merecia como mãe que era o parabéns ‘face to face’. Então a Bianca fez uma surpresa e nós aproveitamos para junto com ela né fazermos a sua vontade e colocarmos esse pequeno vídeo no início da nossa sessão que eu vou pedir agora para o Rose para passar. Por favor, Rose passa esse vídeo (APRESENTAÇÃO DE VIDEO). Após essa explosão de segura coração né damos continuidade à nossa sessão. Dada à verificação do quórum informo a presença de 14 vereadores nesta sessão plenária com a ordem do dia 5 de julho, ausente o vereador Marcelo Broilo com problemas de saúde. Ordem do dia.

 

ORDEM DO DIA

 

PRES. ELEONORA BROILO: Em 1ª discussão o projeto de lei do legislativo nº 09/2022 que dispõe sobre a obrigatoriedade da elaboração e divulgação da relação dos medicamentos pelo município de Farroupilha. Pareceres: Legislação, Justiça e Redação Final favorável; Infraestrutura, Desenvolvimento e Bem-Estar Social favorável; Jurídico favorável. A palavra está à disposição dos senhores vereadores. Com a palavra o vereador Juliano.

VER. JULIANO BAUMGARTEN: Senhora presidente e colegas vereadores, público aqui presente que se faz nessa noite, cidadãos/cidadãs, imprensa; um cumprimento especial ao nosso colega vereadora Clarice parabéns muitas felicidades muitos anos de vida, tudo de melhor para vossa senhoria. Senhora presidente quero que permaneça em discussão na Casa, pois eu protocolei duas emendas, a um e a dois, e na qual eram foram protocoladas após o fechamento da pauta na sexta-feira e elas não entraram na discussão. Então eu peço para permanecer, pois com as emendas terá algumas alterações textuais no projeto. Era essa minha manifestação. Obrigado.

PRES. ELEONORA BROILO: Então o projeto de lei do legislativo nº 09 permanece em discussão na Casa. Encerrado o espaço de discussão de projetos. E passamos a deliberação e apresentação de requerimentos.

 

REQUERIMENTOS

 

PRES. ELEONORA BROILO: Requerimento nº 73/2022: solicitação de instalação de lombadas ao DAER. Passando a palavra ao vereador Roque Severgnini pelo tempo de cinco minutos.

VER. ROQUE SEVERGNINI: Senhora presidente, senhores vereadores; vereadora Clarice parabéns pelo seu aniversário parabéns pela família, parabéns Ernesto tu é fera comprovou ali ao vivo. Cumprimentar aqui os professores que estão assistindo essa sessão, a imprensa aqui o Leandro Adamatti e o Zé Theodoro e demais funcionários da Casa e as pessoas que nos assistem de seus lares. O requerimento nº 73/2022 ele é assassinado por mim pelo vereador Juliano vereador Thiago Brunet, Tiago Ilha, Gilberto do Amarante e Davi André de Almeida. Ele é um requerimento endereçado ao DAER e trata aqui de segurança da VRS-864 essa que vai para o Parque das Águas que vai a Monte Bérico ali e Mato Perso, Monte Bérico/2º distrito. Também ele tem uma lista de mais de 200 assinaturas de moradores da Vila Esperança e da Vila Nova que são dois bairros, duas vilas, enfim, que margeiam a VRS-864 e que esses moradores que ali residem estão constantemente expostos ao perigo causado pela alta velocidade ou pelo número expressivo do fluxo de veículos que por ali trafegam. Assim sendo estes moradores precisam que o DAER de uma atenção e instale ali não quebra molas obviamente né quebra-molas a gente tem tido um certo cuidado de falar nessa Casa, mas que instale ali lombadas eletrônicas que elas são seguras/modernas e da inclusive ao condutor do veículo a possibilidade dele mesmo averiguar a velocidade que ele está trafegando na via porque com certeza esta via é dotada de sinalização, mas nem sempre essa sinalização é respeitada pelo condutor do veículo. Então é medida que se impõe a instalação de redutores de velocidade no modelo lombada eletrônica a exemplo do que nós já temos instalada aqui RST-453 e elas têm, com certeza, auxiliado e contribuído em muito para a redução de acidentes. Vamos encaminhar também com o anexo aqui das assinaturas e também gostaria de que o departamento de trânsito do nosso município de Farroupilha pudesse acompanhar esse desenrolar desta demanda por que em última análise ainda que a responsabilidade seja do DAER por se tratar de uma via estadual é no município que as pessoas moram; as pessoas não moram no Estado ou no país elas moram no município, seu endereço é o município e é o município de Farroupilha. E o Estado tem sido bastante distante para as pessoas principalmente no que tange a investimentos em obras, não temos visto assim frequência. Então vamos encaminhar ao DAER aguardaremos um retorno disto e também depois vamos tentar fazer um diálogo com a própria prefeitura municipal não no sentido da prefeitura investir ali, mas no sentido da prefeitura também fazer uma cobrança por que são farroupilhenses que moram ali; e inclusive nesse local, nos dois locais né, há bastante crianças nas famílias ali residentes. Então por hora a senhora presidente eram essas as manifestações acerca do requerimento nº 73 de autoria dos vereadores já mencionados no início da minha fala e eu peço então que a gente aprove e encaminha isto ao DAER e aguardamos que o DAER nos dê um retorno minimamente satisfatório que possa atender aquelas duas comunidades.

PRES. ELEONORA BROILO: A palavra segue com o vereador Juliano pelo tempo de até 3 minutos.

VER. JULIANO BAUMGARTEN: Senhora presidente e colegas vereadores. Bom, o requerimento ele é de suma importância, pois ali além de ter a questão da segurança das duas comunidades, da Vila Esperança e a Vila Nova, é um ponto de um trafego constante de ciclistas; para quem passa por lá é muito comum ver usuários daquela via praticando esporte e é importante sim a questão de coibir a velocidade. Falávamos em diversas oportunidades que a questão do trânsito é uma questão educacional, pois é comum das pautas aqui ou é solicitação de lombo faixas, redutores de velocidades né, soluções inerentes nesta questão. Porque ali como meu colega vereador advogado Roque mencionastes tem muitas crianças é o perigo é grande então sempre nós temos que tentar buscar a prevenção. Depois que o leite está derramado não tem nada a ser feito não tem como ajuntar. Vereador Maurício, acho que a gente tem que juntar um pacotão ir lá bater na porta do DAER e cobrar do DAER. Porque toda a sessão é alguma coisa ou é na 453 ou é na 813 ou é 122 só que a gente sabe o DAER é vagaroso, vagaroso e é ineficaz, ineficaz. Então acho que a gente tem que fazer sim uma missão ir lá com a maior quantidade de vereadores e ficar plantado lá na porta, já lhe cedo um aparte, porque senão não tem como se levar adiante. A gente faz as nossas manifestações os nossos pedidos só que não eles não têm a capacidade se quer de te responder um pedido desse parlamento. Cedo um aparte ao vereador Roque doutora Eleonora

PRES. ELEONORA BROILO: Aparte ao vereador Roque.

VER. ROQUE SEVERGNINI: Só quero complementar a informação ainda sobre o requerimento de que essas assinaturas é fruto de um trabalho das Associações de Moradores da Vila Esperança e da Vila Nova; então a presidente lá a Marivete e também a presidente Márcia, duas mulheres aí que batalharam juntamente com os moradores fizeram o levantamento destas assinaturas para que pudesse aqui esta Casa enviar ao DAER este pedido de solução. Obrigado vereador Juliano.

VER. JULIANO BAUMGARTEN: Então para finalizar minha fala parabenizar então às lideranças femininas daquelas comunidades que encabeçaram isso e obviamente somos favoráveis e vamos para cima do DAER. Era essa minha manifestação.

PRES. ELEONORA BROILO: Vereadora Clarice.

VER. CLARICE BAÚ: Obrigada presidente. Boa noite colegas já restabelecida então consigo falar. A todos aqui um boa noite que estão aqui que nos assistem presencialmente, o que estão nos seus lares, em especial nossos convidados hoje aqui Ronda Charrua, Escola Cinquentenário, meu marido Ernesto, meu genro Bruno Couto que está aqui né nos prestigiando hoje. Parabéns aos vereadores que fizeram aqui essa iniciativa, mas também preciso antes mais um tempinho para agradecer todas as homenagens né. Sempre digo que é momento de nós agradecermos sempre; primeiro a Deus que está sempre nos guiando e nos colocando no caminho certo e depois agradecer pela oportunidade de fazer parte dessa família da Câmara de Vereadores. E o que minha filha falou eu concordo realmente nós temos que marcar sempre a nossa presença pelas nossas atitudes pelos nossos valores definidos e que bom que eu passei isso para ela, que eu já deixei o meu legado. Se a minha filha já sabe que nós temos que ter valores definidos ter caráter isso já me basta. Então quero agradecer a todos aqui pelas homenagens foi bastante emocionante, mas penso que então foram merecidos né então eu vou curtir elas. Então muito obrigado mesmo por me aceitarem fazer parte dessa família. Então parabenizando também, continuando os parabéns, a iniciativa dos vereadores aqui por esse requerimento; se me permitirem subscrever também porque eu acredito que toda ferramenta que seja quebra-molas que seja lombofaixas que seja lombadas se elas prestarem para aquilo que foram feitas para o seu objetivo de coibir acidentes e salvar vidas que é o mais importantes são bem-vindas tá. Então contem também com o meu apoio para que a gente consiga atender a esse apelo tanto da Marivete como da Márcia nessa questão de nós ajudarmos aí essa população Obrigado presidente.

PRES. ELEONORA BROILO: Mais algum vereador? Vereador Amarante.

VER. GILBERTO DO AMARANTE: Boa noite senhora presidente. Boa noite Clarice, parabéns, parabéns, acho que o depoimento da tua filha foi muito bom emocionante. Eu quero dizer que eu também estou com saudade da minha filha a gente cria os filhos e eles voam, voam longe e demoram para retornar; então estou esperando o retorno também da minha filha que já faz cinco/seis meses, mas que bom que bom que nós criamos os filhos para o mundo, mas eles continuam sempre sendo nosso, mesmo estando longe estarão perto. Vereador Roque, sim eu a gente escreveu junto esse projeto eu quero dizer que o DAER engraçado que ele aparece aí eu até muitas vezes acho que nós falamos muito do DAER e nós temos que mandar o requerimento de repente para as secretarias do Estado e para o próprio governo do estado porque quando tem problema é o DAER e quando traz obras e solução são outras secretárias. Então eu acho até meio contraditório nós sempre falamos do DAER do DAER e as demais secretarias do estado que representam as estradas que inclusive faz as construções e as manutenções das estradas. Então eu acho que nós temos que ver como nós encontrar esse canal para resolver o problema de nossas rodovias aqui do Estado Bellaver porque o DAER às vezes ele não é solução; até porque ele não ele tem poucos recursos os recursos não passam pelo DAER passam pelas outras secretarias do governo do estado. E aproveitando para finalizar quero aqui dizer a família Ronda Charrua parabéns; o Rogério patrão, o nosso amigo Zamboni sempre da tesouraria com sua esposa com aqui estamos com a nossa tesoureira não sei se é hoje ainda né e toda a família do Ronda Charrua, os professores do Cinquentenário obrigado pela presença de todos aqui essa noite nos prestigiando. Toda a imprensa que também leva a nossa informação e a nossa fala aqui do dia a dia muito obrigado pela presença de todos. E a nossa 1ª prenda da 25ª, a minha filha também tem fotos pelo Ronda Charrua lá que foi também prenda do Ronda Charrua depois fez parte do prendado da 25ª. Muito parabéns a este CTG o primeiro CTG aqui e acho que o segundo do Rio Grande do Sul e o primeiro de Farroupilha da serra gaúcha. Muito obrigado. Boa noite.

PRES. ELEONORA BROILO: Mais algum vereador gostaria de fazer uso da palavra. Não havendo mais manifestações colocamos em votação o requerimento de nº 73/2022.  Os vereadores que estiverem de acordo, por favor, permaneçam como estão; aprovado por todos os senhores vereadores. Antes de passar ao requerimento nº 74 quero dar boas-vindas a toda família Ronda Charrua, aos professores do Cinquentenário, ao meu marido que está hoje ele chegou cedo né, ao Ernesto marido da Clarice, ao genro da Clarice e a todos que nos acompanham, as nossas assessoras, ao Paulão que tá lá atrás e todos que nos acompanham, a nossa imprensa né eu gostaria de dar uma boa noite a todos. Requerimento de nº 74/2022: votos de congratulações a Gabriele Gaviraghi. De imediato passo a palavra ao vereador Juliano Baumgarten pelo tempo de até 5 minutos.

VER. JULIANO BAUMGARTEN: Senhora presidente e colegas vereadores. Bom, agora nós vamos fazer por partes né. Cumprimentar especial a todo o movimento tradicionalista que se faz presente primeiro começar pela Gabriele que é nossa homenageada da noite depois estender o cumprimento ao patrão Rogério e os demais membros, a nossa presidente do conselho de políticas culturais do município. Bom, como eu disse quando eu conversava com o Rogério não é uma pauta que eu domino muito, mas a gente faz com a simplicidade e com a forma de não deixar passar em branco. Quero cumprimentar também o Crippa lá meu colega professor está lá no cantinho quieto. Na verdade é muito importante fazer esse reconhecimento porque a gente sabe o quão os grupos ligados ao tradicionalismo se dedicam. é histórias de vida. É desde pequeno até a finaleira da vida. E a í a gente acaba vendo que nós temos então a nossa primeira prenda representando o município de Farroupilha e com certeza representará de uma forma muito bem, onde que tem os municípios de Farroupilha, Caxias, São Marcos, Nova Roma, Flores da Cunha e Nova Pádua. Pois bem quando a gente fala cultura gaúcha na maior parte das vezes se ecoa os gritos em todos principalmente do peão/do gaúcho e muitas vezes se esquece do papel fundamental da prenda. Que se a gente for voltar lá na história quem guardou as estâncias quem protegeu quem conduziu quem educou quem trabalhou foi a mulher. E o simbolismo dentro da cultura gaúcha na questão da prenda é transmitir os valores, a questão do que representa para o desenvolvimento para o acolhimento daquele lar. E quando a gente vê que uma jovem representando o município é alçada a este posto este parlamento não poderia deixar em branco esta noite. Então algo simplório/singelo, mas de coração e que sim para valorizar e fomentar cada vez mais esse movimento bonito. Parabéns Gabriele tenho certeza que tu nesse período conduzirá da melhor forma possível e com certeza o papai e a mamãe aí do lado tão bem faceiro né; o sorriso né Rogério não esconde. Então parabéns a família Ronda Charrua que alça mais esse posto mais esse voo conseguindo esse reconhecimento em prol da cultura e da tradição gaúcha. Depois da aprovação senhora presidente eu gostaria de solicitar que suspendesse a sessão por um ou dois minutos para fazermos um registro com a nossa prenda. Obrigado. Era essa minha manifestação.

PRES. ELEONORA BROILO: A palavra está com o pastor Davi.

VER. DAVI DE ALMEIDA: Boa noite senhora presidente. Boa noite senhores vereadores, a imprensa que está aqui conosco, quero já parabenizar aqui a vereadora Clarice pelo seu dia de festa hoje completando mais um ciclo e iniciando o outro. E cumprimento aqui também Rogério meu amigo que está aqui né que alegria te receber, receber toda a comitiva do Ronda, e essa noite parabenizar a tua filha né. Que honra poder parabenizar a 1ª prenda da 25ª região tradicionalista. Parabéns querida. Parabéns continue representando sendo essa pessoa que você é maravilhosa e a família que representa hoje aqui. Que coisa boa ver os nossos filhos né Rogério crescendo se destacando creio que hoje teu coração se alegra também da esposa e deixo aqui meus parabéns. Saúdo também o esposo da Clarice, o genro também, todas as pessoas que estão aqui nessa noite. obrigado senhora presidente.

PRES. ELEONORA BROILO: Com a palavra o vereador Ilha.

VER. TIAGO ILHA: Senhora presidente, esse é o Rio Grande do Sul onde tudo que se planta cresce e o que mais floresce é o amor. É o amor em família né. Então Rogério eu tenho certeza que passa um filme pela tua cabeça e da tua esposa que tem a sua vida simplesmente a sua vida ligada a tradição gaúcha. Eu acompanhei essa prenda desde seus primeiros passos né, aliás, uma voluntária do projeto Farroupilha Bem Gaúcha. Que me lembro, Elenice está aqui né que junto comigo e tantos outros, quando iniciamos ela foi uma das primeiras; eu me lembro que o Rogério chegou a me ligar na época e disse “olha ela faz questão de ajudar” né e a Gabi ajudou muito; e o projeto Farroupilha Bem Gaúcha teve muito a sua participação. Então ver hoje Elenice ela 1ª prenda da 25ª região tradicionalista vereador Júlio é orgulho para a gente. Isso movimenta dentro de mim Cabo João uma alegria de um jovem tradicionalista que é apaixonado por essa tradição e vê essa menina que eu sei o amor e a tradição que ela tem dentro do seu seio familiar. E quanto ela se dedica para isso né Elenice. Porque até para muitos colegas vereadores e pessoas que estão aqui, a nossa aniversariante hoje colega Clarice, às vezes a gente não faz noção o quanto é difícil passar num concurso desse Elenice, e Cabo João que também teve a felicidade de representar o Estado num posto tão importante. Eu estive como conselheiro do movimento acompanhando o concurso lá da no CTG Lomba Grande em Novo Hamburgo e a gente percebe que a cada concurso o nível de dificuldade tem aumentado e que para representar nossa cultura tem que ter muita dedicação, muito semelhante, aliás, a prova é tão temida por quem participa porque ela é de muito conhecimento presidente Eleonora; vereador Tadeu que sabe também disso. E hoje eu me sinto representado por ti né e mais feliz ainda por até o final do ano estar como conselheiro né e eu quero estar junto contigo, em qualquer evento que tu for me convida que eu vou ter até o prazer de estar com o teu pai e tua mãe e a tua família porque para mim é motivo de orgulho não só como vereador como conselheiro né e por ter vido essa menina né Nice chegar até aqui. Então eu quero com a permissão aqui do nosso autor vereador Juliano subscrever né esse requerimento tão merecido. E meu coração vereadora Eleonora se enche de alegria de hoje celebrar a tradição gaúcha por quem a bem representa. Parabéns Gabi o Rio Grande do Sul hoje se alegra por você nos representar, muito obrigado. Obrigado presidente.

PRES. ELEONORA BROILO: Vereador Amarante.

VER. GILBERTO DO AMARANTE: mais uma vez parabenizar a Gabriele e digo eu acho que como o Tiago falou a prova é difícil, a gente também acompanhou lá no passado e eu tenho certeza. Agora a caminhada começa agora né Gabriele. Quantas idas e vindas né Fernanda Rogério com a família Ronda Charrua, envolve o CTG todo nessa construção; até tem o Crippa que também faz parte do conselho da 25ª, acho que faz parte da parte artística do CTG e que toca há muito tempo. Então é uma construção que vai passando de mão em mão. Então quando nós temos nossos filhos no CTG muito nos orgulha por que eles estão próximo de nós, então muitas vezes Elenice nós temos a o entendimento que os CTGs de nossa cidade leva o nome de Farroupilha Rio Grande afora Zamboni, leva o nome de Farroupilha às vezes Brasil afora como o CTG Ronda Charrua muitas vezes foi fora do Brasil fazer apresentações. Então este nome e que todos trabalham voluntariamente de corpo e alma entregue em nome dos filhos claro em primeiro lugar e segundo em nome da tradição e terceiro leva o nome de nossa cidade. Mas o maior orgulho de nós pais é estar junto aos nossos filhos e criar com esta certeza que vamos dar um bom caminho para eles Então parabéns a todos.

PRES. ELEONORA BROILO: Sessão cheia de emoções hoje. Mais alguém gostaria de fazer o uso da palavra. Vereador Roque.

VER. ROQUE SEVERGNINI: Quero cumprimentar aqui a Gabriela [sic] Gaviraghi da Silva 1ª prenda da 25ª região tradicionalista. Parabéns a você e parabéns ao CTG Ronda Charrua – todos os seus integrantes seus familiares, as pessoas que acompanham. Parabéns ao vereador Professor Juliano pelo requerimento que compartilha conosco aqui o poder legislativo esse momento de poder enaltecer a presença feminina, a presença da mulher no tradicionalismo como, aliás, sempre foi. Aqui alguém falou da Revolução Farroupilha do papel que a mulher teve nessa revolução que tem lá os seus questionamentos à revolução, mas não tem uma divulgação do papel que a mulher cumpriu nessa revolução dos 10 anos que durou né; qual foi o papel da mulher sempre no meio tradicionalista no Rio Grande do Sul. E esse hoje existe inclusive prendas comandando os CTGs é porque a mulher lutou por isso não foi uma concessão, aliás, não existem concessões existem conquistas e isso que é bom. Tudo aquilo que lhe é concedido à possibilidade de curta duração é enorme, mas aquilo que é conquistado que é disputado e que traz consigo um rastro de batalha de conhecimentos de virtudes isso é duradouro isso permanece Então parabéns Gabriela [sic], você a todo os seus representados e que tu possa nessa gestão representar e representar muito bem o meio tradicionalista, erguer a bandeira e lembrar que existiram e existem diversas Anitas Garibaldi embora a Anita é a referência, mas anonimamente muitas e muitas e muitas mulheres passaram e deixaram história, muitas delas esquecidas outras não lembrada propositadamente; mas o importante é que nesse momento a gente vá construindo uma história de cultura e inclusive de apreço cada vez mais pelo tradicionalismo por que é a nossa bandeira do Rio Grande do Sul. O Rio Grande do Sul se diferencia quando se fala dele e eu convivi por um bom tempo em Brasília e lá haviam pessoas de todos os cantos do país quando você fala que é do Rio Grande do Sul sempre tem alguma curiosidade para saber do Rio Grande do Sul e normalmente é do tradicionalismo. Então parabéns.

PRES. ELEONORA BROILO: Vereador Sandro.

VER. SANDRO TREVISAN: Presidente, senhores vereadores, aniversariante da noite, corajoso marido trouxe até flores, Bruno Crippa colega, todos os presentes, imprensa, público. Queria então agora de maneira especial parabenizar então Gabriele; parabéns é uma batalha né para a gente estar no topo, é uma batalha. Parabenizar o patrão Rogério um amigo particular a gente até tenta um futebol de vez em quando é um guri jogando esse rapaz. E dizer que é exemplo de a família dentro da família aí né por que a tua família vive o Ronda né e o Ronda é a família. Então eu vejo tua família dentro de uma família, parece algo assim que está inserido dentro e parabenizar mesmo. Eu na verdade gostaria de subscrever e acredito que em nome da bancada né Tadeu, estava falando aqui com a Clarice e com o Calebe, gostaria de subscrever ao requerimento em nome da bancada. E agradecer Gabi porque tu tá representando a nossa cidade, essa família Ronda Charrua representa muito bem há muito tempo a nossa cidade então é o mínimo que esse legislativo faz é fazer essa homenagem extremamente justa e te agradecer. Obrigado mesmo parabéns de novo. Obrigado presidente.

PRES. ELEONORA BROILO: Mais alguém gostaria de fazer uso da palavra. Vereador Tadeu.

VER. TADEU. SALIB DOS SANTOS: Quero cumprimentar o Rogério e todos os componentes do nosso Ronda pelo Rio Grande, o rodeio das tradições. Se nós voltarmos um pouquinho, um pouquinho, o Ronda proporcionou para mim para minha família momentos inesquecíveis juntamente com o noivar a Elenice aquele vestido amarelo os peões num marrom claro fizeram estremecer o Parque Cinquentenário. São fatos dos quais a gente não esquece. Eu lembro eu estava no microfone da Rádio Miriam e eu dei um grito tão grande que ecoou não somente a quem estava sintonizado no rádio, mas foi algo incrível. Gabriele tu tem uma responsabilidade tu não poderia fazer diferente, a mãe, o vô e a vó são pessoas importantes no Ronda e no segmento do Ronda; o pai é patrão, patrão já diz tudo. Ele que foi um peão, mas acima de tudo ele foi um tradicionalista ele é um tradicionalista e é um artista que vem de família. Saudades do Mexerica e que esse momento hoje para nós que vivemos o Ronda intensamente. Aline com a bruxinha de pano que a gente nunca esquece na declamação, Ariane também fez parte da 25ª, a gente conhece um pouquinho e doou cada um de nós um pouquinho do prazer de viver através do Ronda. Parabéns, que bom que tu é Ronda Charrua.

PRES. ELEONORA BROILO: Mais algum vereador gostaria de fazer o uso da palavra. Se nenhum mais vereador gostaria de se manifestar então colocamos em votação o requerimento nº 74/2022. Os vereadores que estiverem de acordo permaneçam como; estão aprovado por todos os vereadores e subscrito por todas as bancadas. Vereador Juliano o senhor solicitou né que após os votos de congratulações então o requerimento que suspendesse a sessão. Bem, eu só vou deixar ao critério dos senhores, mas nós temos três requerimentos com votos congratulações e eu queria que no final dos três a gente pudesse então suspender a sessão uma única vez e aí chamar todos. Então tá. Suspendemos então a sessão por alguns minutos para registrar esse momento. (SESSÃO SUSPENSA).  Senhores vereadores retornem aos seus lugares para darmos andamento à sessão. Requerimento nº 75/2022: votos de congratulações a Mecânica O Porão. Passo a palavra à vereadora Clarice Baú.

VER. CLARICE BAÚ: Obrigada presidente. Quero aqui dar um boa noite especial ao meu amigo Rafael Crippa professor enquanto eu fui diretora do estadual e se hoje a gente sempre diz que leva muitas pessoas no coração e se eu fechasse os olhos hoje e me pedissem lembra de algum amigo incondicional eu me lembrarei de ti Rafael, obrigado por ser meu amigo de sempre. Então essa Mecânica O Porão que celebra seus 40 anos de fundação é uma comemoração memorável em função de que há 40 anos atrás imaginem estar no setor mecânico sem tecnologia sem muitas ferramentas sem muito conhecimento, e o que valia ali era sabedoria de mecânico e muita experiência que passava de pai para filho e mesmo assim se sustentou 40 anos no nosso município. Isso é memorável e merece sim uma homenagem um reconhecimento dessa casa legislativa pela persistência, por ter passado por muitos obstáculos nesses 40 anos. Parece que quando a gente fala 40 anos é simples né, mas o dia a dia representa 80 anos né.  Então parabéns Mecânica O Porão por essa persistência e fazer parte da nossa história aqui de Farroupilha. é isso presidente.

PRES. ELEONORA BROILO: A palavra está à disposição dos senhores vereadores. Vereador Amarante.

VER. GILBERTO DO AMARANTE: Parabéns vereadora Clarice, quero subscrever também, o Vilmar a dona Helena os filhos que construíram uma história na mecânica de Farroupilha. Como tu falaste na época não tinha computador não tinha ferramentas adequada e hoje é uma das mecânicas também com todo o sistema eletrônico atualizado, quer dizer atende a qualquer tipo de veículos, ou seja, com a mecânica mais antiga ou então a mecânica atualizada. Tive o prazer de estar com aquela família que moravam de frente à minha casa hoje até está o filho morando lá, o Eduardo, e convivi até momentos difíceis da vida dele que teve uma época que foram sequestrada toda a família dele passaram por cima dessa turbulência toda e que o problema foi parar inclusive ali na mecânica de madrugada; fomos, enfim, a gente como eu era o primeiro vizinho o primeiro também a ser convidado a ajudar né então essa família muito tradicional de Farroupilha. Que também esteve sempre disposta a contribuir com os eventos de Farroupilha com as comunidades na participação de alcançar brindes e sempre no meio trabalhando de forma voluntária. Cito aqui a dona Helena é a timoneira da parte financeira s o seu Vilmar então cuida mais da parte da prática do dia a dia e do trabalho daquela mecânica. Então parabéns para ti e peço para subscrever. Muito obrigado.

PRES. ELEONORA BROILO: Vereador Juliano.

VER. JULIANO BAUMGARTEN: De uma forma bem sucinta cumprimentar a vereadora pelo requerimento. Eu e meu colega advogado Roque solicitamos subscrever o requerimento e externamos parabéns aos 40 anos da Mecânica O Porão. 40 anos é um bom tempo prova que a persistência dá resultado. Era essa minha manifestação.

PRES. ELEONORA BROILO: Vereador Davi.

VER. DAVI DE ALMEIDA: Vereadora Clarice, mais uma vez é boa noite a todos, peço também para subscrever o requerimento parabenizo também. E esse requerimento me traz a lembrança de quando pequeno né a Mecânico O Porão pertinho da minha casa, dos meus pais, me trago a lembrança Calebe os carrinhos de lomba porque ali tinha a calçada, os únicos lugares né, e nós com os carrinhos de lomba riscando a calçada da Mecânica O Porão e às vezes tinha que correr porque o Vilmar para nos pegar ali. Então a gente fazia aquela folia sadia com os colegas e isso é muito bom essas lembranças né a gente trazer e poder parabenizar aos 40 anos da mecânica, mas hoje não mais com carrinho de lomba então a gente não tem mais que fugir. obrigado senhora presidente.

PRES. ELEONORA BROILO: Com a palavra o vereador Ilha. Vereador Ilha.

VER. TIAGO ILHA: Só gostaria de trazer também aqui o nosso cumprimento né a Mecânica O Porão e também a vereadora Clarice pela iniciativa, também pedindo para que a nossa bancada possa subscrever. Veja bem como que é se um dia na vida de uma empresa é tão difícil e você falava muito bem você imagina 40 anos. Esses dias nós estávamos aqui fazendo vereador Tadeu homenagem ao empreendedor né que dia depois fiz questão de visita-lo para entender um pouco mais sobre daquela história que vi aqui. E percebo hoje na experiência que vivo que um ano já um ano e meio para mim já tem se passado parece que 20 e você imagina 40 anos. Aliás, o empresário nesse país é o maior guerreiro do mundo porque todo dia ele começa de novo né, ele termina e lá no outro dia tem que começar todas as confusões de novo. E tem que buscar o cliente tem que ter o funcionário e tem que treinar e tem que sobreviver na nessa carga tributária tão injusta que é o nosso país em condições que os impostos vão de caminhão de carreta e voltam de fusca né para a sociedade e em especial para o empreendedor e também para o empresário. Mas são exemplos desse que tornam a nossa Farroupilha diferente, é a Farroupilha da Mecânica O Porão é a Farroupilha de tantas outras empresas que já foram lembrados aqui nessa Casa que nos dão força nos dão orgulho. E cada vez que a gente sai da nossa cidade é levar um pouquinho dessa história né que é a história de todos nós. Então parabéns pela iniciativa e obviamente que a gente gostaria de ter a oportunidade de subscrever e prestar essa merecida homenagem a essa empresa tão importante.

PRES. ELEONORA BROILO: Mais algum vereador gostaria de fazer o uso da palavra. Se não houver mais manifestações colocamos em aprovação o requerimento nº 75/2022. Os vereadores que estiverem de acordo permaneçam como estão; aprovado por todos os vereadores e subscrito por todas as bancadas.  Bem, vamos pular o requerimento nº 76, voltamos a ele em seguida, e vamos ler o requerimento nº 77 que são congratulações a Escola Cinquentenário porque aí suspenderemos a sessão por alguns minutos e faremos junto então umas fotos para que esse momento fique gravado nos anais da Casa. Requerimento nº 77/2022: congratulações a Escola Cinquentenário. Passo a palavra de imediato à vereadora Clarice Baú.

VER. CLARICE BAÚ: Obrigada presidente. Quero dar um boa noite especial um agradecimento aqui à equipe diretiva dessa Escola Municipal de Ensino Fundamental Cinquentenário, em nome de Jones Conculatto que é o diretor faço para todos da equipe diretiva para toda a comunidade escolar. Nós estamos aqui com a Escola Municipal de Ensino Fundamental Cinquentenário está celebrando 31 anos exercício aqui no nosso município. Importante à gente sempre salientar que a educação vai além da transmissão de conhecimentos das questões teóricas da base curricular. Ali na escola a gente ensina valores ensina e ensina a ser cidadão o exercício da cidadania que é o mais difícil porque ser professor é uma missão ser diretor então né Jones eu fui 15 anos eu sei que é uma missão em dobro por que a responsabilidade não é só de passar o conhecimento isso a gente terceiriza ao professor diretamente, mas a gestão de uma direção é muito difícil. Os problemas também colega Tiago Ilha são diários a gente termina um dia começa outro com outros problemas, outras dificuldades, com alegrias também. Mas eu acredito também que toda essa equipe diretiva conseguiu né resgatar ele e continuar todo esse trabalho de 31 anos e transformar a Escola Cinquentenário em uma família também. Conheço muitos professores de lá conheço há tempo o trabalho do professor Jones Conculatto e sei da sua responsabilidade do seu empenho como professor e que está agora como diretor só aumentou a capacidade de fazer gestão. Então quero aqui parabenizar por que com certeza toda essa equipe vai conseguir transformar em mudanças positivas para toda a comunidade escolar. Não é fácil eu sou professora aposentada fui diretora 15 anos do Colégio Estadual Farroupilha a gente sabe que é difícil porque lá a gente lida com muitos problemas; não é só o dia a dia do conhecimento né nós somos psicólogos. Nós somos as mães dos alunos, nós temos o dever de protegê-los de qualquer forma. Então é uma missão realmente. Mas não desistem continuem porque é uma missão linda, quando a gente se aposenta a gente sente muita saudades de estar lá naquele meio porque trabalhar com crianças, adolescentes, com jovens nos faz viver todo dia né porque a adrenalina está lá né. Então parabéns de coração, podem saber que a homenagem é muito merecida. Obrigada.

PRES. ELEONORA BROILO: A palavra está à disposição dos senhores vereadores. Vereador Juliano.

VER. JULIANO BAUMGARTEN: Senhora presidente e colegas vereadores, eu queria também me manifestar cumprimentar o Jones a Fabi e o Jean parabenizar a Escola Municipal Cinquentenário pelos seus 31 anos de existência e que se multiplique diversas vezes essa data. Bom, a gente fala muito em educação e sim ela é de suma importância e a gente sabe de todo esforço de todo carinho e todo amor dedicado para as coisas acontecer. A Escola Cinquentenário eu tenho um carinho um apreço imenso, pois estudei lá da 5ª a 8ª série e depois o meu primeiro estágio curricular na minha vida acadêmica foi lá, o estágio esse do CIEE perdão não o curricular e sim nos remete grandes memórias nos remete uma escola que tá lá no coração do bairro Cinquentenário e que formou e forma todos os dias milhares de cidadãos. Porque quando a gente tem uma escola próxima da comunidade e uma escola atuante a gente sabe que as coisas acontecem. E ao longo dos anos a escola se equiparou, melhorou, por exemplo, agora nós temos uma quadra coberta fechada propicia para as aulas de educação física né diretor e toda aquela ampliação futura, os planos, a busca, a construção; e estamos à disposição para tentar somar para ampliar o refeitório as coisas que são necessárias. Eu estou desde o ano passado eu tenho feito visitas, no ano passado estive lá esse ano ainda não consegui passar, mas também estarei passando lá vou lá conversar ver as demandas para tentar ajudar a somar. Parabéns Escola Cinquentenário e que essa data se repita muitas e muitas vezes. E cumprimento a vereadora pela proposição. PRES. ELEONORA BROILO: A palavra continua à disposição dos senhores vereadores. Vereador Sandro.

VER. SANDRO TREVISAN: Obrigado presidente. Cumprimentando então o diretor Jones cumprimento toda a equipe diretiva e aos que não estão presentes, a gente sabe que são vários braços né que fazem com que um colégio funcione; quem está lá dentro sabe o quanto de serviço que isso dá quanto de atribuições que se tem para trabalhar dentro de um colégio. E a gente tem que valorizar cada vez mais. O meu bem maior é meu filho e dos senhores que tem filhos pequenos ou aqueles que têm outros filhos que são maiores também sempre tiveram nestas crianças o seu bem maior e gente a quantidade de tempo que essas crianças passam dentro do colégio. Muitos deles vêm para casa brincam um pouco e vão dormir, passam a maioria do tempo em casa praticamente na cama dormindo e o resto do tempo e uma quantidade eles estão aonde? Dentro do colégio. E olha gente dão serviço né eles dão serviço. E a gente como professor trabalha demais se incomoda bastante corre atrás, mas uma parte de ti fica sempre jovem por que no meio deles meio deles não tem como não interagir com eles e não ficar com o pensamento deles. Eles ajudam a gente a mentalmente não envelhecer, é muito legal. Então assim agradecer mesmo ao serviço que vocês prestam dizer que é de suma importância, infelizmente a gente está num país que não reconhece a educação como deveria reconhecer e depois trabalha com campanhas de acidente de trânsito, educação, problema do lixo e todos esses problemas que a gente tem no nosso Brasil. por quê? Porque não tratam a educação da maneira que deveria ser tratada, realmente não tratam fingem que é educação está mil maravilhas e não fazem o que deveria fazer. A gente que está aí sabe. E o bacana assim é que às vezes eu faço uma análise assim que se tem na nossa casa tem lá meu filho de repente vem o priminho dele eles ficam duas horas uma hora lá brincando e começam a incomodar e daí um pouco o pai ou a mãe pega é dá o celular dele porque não aguenta mais. E o professor fica com 30 na sala de aula todas as manhãs. Então quem tá lá dentro sabe o serviço que aquilo que dá então tem que ter amor para fazer isso, tem que realmente gostar. Parabéns. Parabéns a vocês que ajudam a fazer a sociedade melhor. Muito obrigado presidente.

PRES. ELEONORA BROILO: Vereador Ilha.

VER. TIAGO ILHA: Senhora presidente eu quero cumprimentar mais uma vez a vereador Clarice e também pedir para subscrever. E aqui em nome dos professores que estão aqui presentes dizer da nossa alegria hoje essa esse grande presente que Deus deu a vocês é paixão né. Não tem outra explicação para ser professor é paixão pura né. A arte de ensinar de passar adiante, de observar o semelhante aprendendo com você né e isso a gente vê em várias esferas. Veja só a importância dos professores da nossa cidade e a sua representatividade, aqui nós temos que estavam há pouco tempo na sala de aula 4 professores eleitos vereadores vereador Tadeu com expressivas votação; se nós tivermos aqui também na o Calebe lá na sua música que também passando o seu conhecimento. O Rogério lá no CTG passando o seu conhecimento como instrutor, aliás, foi o meu instrutor, mas ah Rogério estamos ficando bem né tchê. Então dizer aqui da nossa alegria do nosso entusiasmo e do nosso reconhecimento, leve a toda a equipe diretiva, essa escola já é o orgulho da nossa cidade. E que noite memorável presidente Eleonora de nesse enredo né de homenagens uma tão merecida quanto à outra né e passamos aqui por gerações, conhecimento e a história da nossa cidade que nos apaixona a cada dia. Parabéns por essa história tão linda e claro que nós vamos, com a permissão da vereadora Clarice, também subscrever o referido requerimento Obrigado presidente.

PRES. ELEONORA BROILO: Vereador Roque.

VER. ROQUE SEVERGNINI: Cumprimentar aqui o professor Jones, professora Fabi, professor Jean, não sei se tem mais alguns professores aí do Colégio Cinquentenário, mas em nome de vocês cumprimentar né toda a família de professores e professoras lá da Escola Cinquentenário, os servidores, os alunos, as famílias que compõem aquela escola. E parabéns vereadora Clarice pelo requerimento de congratulações por que a escola não é simplesmente um prédio físico, é evidente que esse prédio físico que lá tem ele dá condições para abrigar as pessoas de forma confortável, mas o que traz é a política educacional e o empenho de cada profissional que lá está dedicando o seu melhor para ensinar os filhos do Brasil os filhos do Rio Grande do Sul, os filhos de Farroupilha, os nossos filhos. E eles estão lá exatamente para ensinar porque educar a gente precisa educar em casa né; o professor/a professora complementa evidentemente essa educação que os filhos recebem em casa, mas o dever a obrigação do professor é ensinar. As pessoas têm que ir para lá para entender, para compreender, para saber ler, para saber a história, para saber a ciências exatas, para saber o comportamento também dentro de viver em sociedade e isso é muito caro para nós e nós precisamos preservar. Os professores precisam ter liberdade para educar e transmitir os seus conhecimentos, precisam ter liberdade para se posicionar sobre temas, temas que às vezes são tabus, mas que precisam ser debatidas por que os alunos questionam. Cada um que vai para a escola vai de uma família não estão numa redoma que todo mundo pensa igual, estão lá livres para pensar para dialogar para debater para questionar e para ouvir e o professor precisa estar preparado para tudo isso. Esperamos que a gente consiga permanecer em liberdade, para que o diretor o professor o aluno possa evidentemente com seus limites, mas ter a sua liberdade de ensinar. Viva a Escola Cinquentenário, viva tantas escolas que existem nesse país que querem aprender, mas que querem ensinar muito. Parabéns a vocês que todo dia ensinam um pouco em nós aprendemos muito.

PRES. ELEONORA BROILO: Vereador Amarante.

VER. GILBERTO DO AMARANTE: quero aqui pedir para a vereadora Clarice também para subscrever. E também dar os parabéns a Escola Cinquentenário pelos 31 anos aqui através do diretor Jones, o Jean, a Fabi, que já convivemos em outros momentos né Jean também nas escolas. E como essa missão ela é ela é às vezes sofrida, mas ninguém desiste. O professor ele se queixa ele fala ele tem oportunidade muitas vezes até de ter um valor de salário maior, mas ele é teimoso ele não desiste ele tem um objetivo tem uma missão. E aquela escola que funciona muitas vezes eu acho que os princípios/valores eles são quase todos iguais né. Mas nós temos a graça que aqui em Farroupilha a maioria de nossas escolas através de seus gestores consegue formar uma espécie de tripé que eu escuto muito a Heloísa falando lá em casa que é quando você consegue integrar o professor o aluno e a família; aí todos levam a escola. Porque na verdade o levar a escola é ensinar as crianças a ser bom cidadões [sic] a ser o nosso futuro o nosso representante ali na frente. E quando se consegue isso porque muitas vezes o professor lá na escola acaba ensinando sim, é seu objetivo maior, mas também na grande maioria educando vendo as diferenças de cada aluno fazendo os encaminhamentos, ou seja, para diversos setores apontando os problemas que às vezes acontece lá na família e que às vezes não é percebido pela nossa sociedade. Mas o professor ele tem ele pega para si essa responsabilidade de resolver de resolver o problema das crianças de e tornar-se aquela escola diferente, e tornar-se aquele cidadão que de repente não teria uma boa qualidade de vida porque de repente não teve um bom preparo e tornar-se um bom cidadão ali na frente; pessoas que volto a dizer serão os nossos substitutos serão o que continuarão a história aqui aonde nós estamos hoje. Muito obrigado e peço para subscrever vereadora Clarice.

PRES. ELEONORA BROILO: Vereador Calebe.

VER. CALEBE COELHO: Gostaria de falar para vocês sobre um detalhe que talvez a gente não se da conta, mas acredito que temos mais ou menos a mesma idade né Jonas, eu e o senhor, Jones né, e a nossa criação foi diferente da criação de hoje né. As crianças de hoje elas são muito diferentes elas vêm de um mundo que eles já aprendem parece que eles já nascem com celular né. A minha filha eu pergunto coisas para ela sobre o celular “como é que eu faço tal coisa” ela sabe né então é difícil; nós não, nós tivemos uma criação muito diferente a gente foi pé no chão comia terra como se diz aquela brincadeira né. E eu percebo que aquela postagem que acontece no ‘Face’ dizendo que lá em 1980 os pais estavam na frente dos professores perguntando para o filho “como você tirou essa nota” e hoje a impressão que dá é que os pais estão com o filho na frente dos professores perguntando “como que ele tirou essa nota” né. Então as crianças elas são mais inteligentes, mas é um desafio no dia a dia conseguir com que as crianças aprendam realmente um conteúdo que fique na mente delas né o senhor também deve perceber isso né Jean, que fique na mente delas porque o desafio de ensinar e tem isso aqui oh né. Então como é que a gente vai fazer para que as crianças não, a mente não voe né. E as pessoas elas jogam muito para cima do professor essa responsabilidade de inclusive educar com relação a coisas que são os pais que deveriam fazer né; o professor ensina quem faz aquela educação que precisa deveria ser os pais né. Na pandemia também “ah vocês ganharam sem fazer nada”; trabalharam o triplo. Tinha que trabalhar ensinar tinha que preparar aula de uma outra maneira lá virtual sabe e as pessoas… Porque para mim também acontece o meu caso de dar aula de música né “ah, mas tu trabalha ou tu só dá aula de violão?” né. E aquela coisa frustrante que eu percebo das crianças virem querendo tocar uma música em inglês e a música fala um monte de porcaria né, sabe a gente tem que ter, então é muito difícil essa profissão. Eu quero parabenizar pela fibra né que vocês têm os professores tem de vocês continuarem mantendo as coisas tentando manter no mundo que a criança coma areia. E eu entendo também que a criança é como uma mola né, se tu tem uma mola apertada na tua mão e tu abre a mão rápida a mola… Se tu segura apertado muito à mola perde a força. Então tem que conseguir fazer com que a criança aos pouquinhos né a gente abra a mão e a mola continue ali. Então são desafios em cima de desafios. Então parabéns para vocês.

PRES. ELEONORA BROILO: Vereador Felipe.

VER. FELIPE MAIOLI: Boa noite a todos. Senhora presidente, primeiramente eu queria parabenizar a iniciativa colega Clarice pelo requerimento e parabenizando a todos vocês especificamente então a Escola Cinquentenário onde eu tive o prazer de dar aula; foi minha primeira escola onde eu dei aula lá no início há quase 20 atrás. E hoje ver o Jones, o Jean, a Fabi aqui é um motivo de orgulho. Já dei aula para o filho do Jones também na Escola Ângelo Chiele né Jones e hoje eu estou tendo prazer de fazer parte da sua equipe porque o Jones além de diretor da Escola Cinquentenário ele é diretor também do CAI – Centro de Atendimento Integrado Odete Zanfeliz. Então ele é aquele cara, juntamente com sua equipe, que dá sustentação para que ele possa bater o escanteio vai lá cabeceia e faz o gol por que o trabalho do Jones é extremamente diferenciado é uma pessoa extremamente competente. E eu quero dizer que essas pessoas que estão hoje aqui representando a Escola Cinquentenário e todas as outras que passaram por funções específicas dentro da escola como diretor como vice como profes todos estão de parabéns, mas eu queria deixar bem claro e vocês são especiais por que não é fácil ser diretor ser vice-diretor de uma escola. Eu diria que hoje atuando como professor comparado com a função de diretor é muito fácil ser professor; agora quero ver ser diretor de uma escola ouvir os pais toda hora, os alunos, enfim, a comunidade como um todo. Então sejam guerreiros não desistam e parabéns por ter posto ter concorrido e parabéns por ter vencido; e continuem assim nessa toada que o sucesso ele faz parte da vida de quem trabalha com seriedade com honestidade. Parabéns, vocês são merecedores.

PRES. ELEONORA BROILO: mais alguém gostaria de fazer uso da palavra. Vereador… Só antes eu vou dar uma questão de ordem para a vereadora Clarice.

VER. CLARICE BAÚ: Na verdade presidente no momento das fotos, do registro, eu tenho um vídeo da escola e gostaria que o Rose colocasse daí. Obrigado.

PRES. ELEONORA BROILO: Certo. O senhor pode falar. Vereador Thiago, por favor, o som para ele.

VER. THIAGO BRUNET: boa noite senhora Presidente, boa noite colegas vereadores, imprensa, todos que estão aqui nesse dia como o Tiago falou muito bacana da nossa Casa. Parabéns Clarice né doutora Clarice pela sua sensibilidade, sempre foste uma educadora esteve à frente de uma escola também sabe das dificuldades que se tem em ser professor em ser educador em ser diretor neste país onde infelizmente a valorização é pouca e o trabalho bastante. Parabéns a toda equipe diretiva da Escola Cinquentenário que tenho certeza que fazem isso com muito amor por que sem amor sendo professor nesse país e eu falo isso de boca cheia porque eu há 30 anos escuto isso da minha mãe que é uma educadora também que é uma professora. Eu vejo Paulo Freire dizia que a educação não muda o mundo a educação muda as pessoas e as pessoas sim mudam o mundo, então eu vejo que num país como o nosso e o Rock dizia bem que o lugar da escola é para ensinar lugar onde se educa em casa. Eu concordo. Só que num país como o nosso que tem tantas mazelas tantos problemas muitas vezes é lá na escola que aquela a criança tem a sua família, é lá na escola que aquela criança tem o olhar do professor não como um professor muitas vezes como um tutor como um pai como um cidadão de bem e é ali que vocês fazem a diferença; é ali que vocês podem transformar o cidadão, é ali que vocês podem identificar um problema de violência doméstica, é ali que vocês podem salvar uma criança como Farroupilha 61 meninas, meninas crianças com menos de 16 anos, tiveram grávidas no ano passado. E é ali que nós podemos mudar isso aí. Não é muitas vezes nem num posto de saúde quando chega lá já aconteceu o problema. Então o lugar muitas vezes onde a gente deveria só ensinar é onde a gente tem que educar, tem que resolver os problemas sociais e tem que trazer cidadania a estas pessoas. Então não é simples é uma tarefa bem complexa bem difícil e vocês estão fazendo isso com muito esmero e maestria. Parabéns por vocês existirem por que sem dúvida nenhuma eu tudo que eu sou hoje eu devo aos meus professores. E eu tenho certeza que se a gente fechar os olhos aqui por 10 segundos e pensar nos melhores momentos da nossa infância vai vim à imagem da escola sem dúvida nenhuma. parabéns.

PRES. ELEONORA BROILO: Mais algum vereador gostaria de fazer o uso da palavra. Vereador Tadeu.

VER. TADEU SALIB DOS SANTOS: Vereadora Clarice não a cumprimentei antes porque hoje é a noite das emoções, e olhando o requerimento do vereador Juliano ele foi muito feliz na escolha também da personalidade que ele trouxe hoje à noite; olhando os seus requerimentos eu só posso compartilha-los. A Escola Cinquentenário assim como a Mecânica O Porão são valores distintos, mas é uma longa história de cada um. A Mecânica O Porão eu a conheci aqui no bairro Pio X ainda quando era aqui ainda o Vilmar e a dona Helena e o Cinquentenário eu tenho prazer de conhecer muitas pessoas que se alfabetizaram e que aprenderam a lição; isso que é o importante a lição dada pelos verdadeiros mestres que lá estão. Sabemos que vocês não fazem isto por profissão vocês têm vocês têm objetivos que é exatamente de tornar pessoas simples em verdadeiros cidadãos, dando a eles um caminho a seguir e um horizonte sem fim no aprendizado. Parabéns. Parabéns Clarice. E olha para encerrar hoje uma noite memorável para todos nós aqui, o seu aniversário vai ficar na história de homenagens bonitas e homenagens verdadeiras; talvez possamos denominar essa noite como a noite do amor o amor está imperando na nossa sessão hoje. Parabéns, e que isso seja uma noite ainda mais memorável na sua comemoração. Muito obrigado.

PRES. ELEONORA BROILO: Mais algum vereador faria uso da palavra. Se não houver mais manifestações então vereadora Clarice pode passar o vídeo para depois a gente poder suspender a sessão. (APRESENTAÇÃO DE VIDEO). Então suspendemos a sessão por 5 minutos e chamamos ao palco tanto os representantes da Escola Cinquentenário quanto os representantes da Mecânica O Porão. Por favor, subam ao palco para que possamos registrar estes momentos. (SESSÃO SUSPENSA). Senhores vereadores retornem aos seus lugares e vamos dar prosseguimento a nossa sessão ordinária. Voltando agora então ao requerimento nº 76/2022 que é uma solicitação de informações a CORSAN. E passo a palavra ao vereador Gilberto do Amarante pelo tempo de até cinco minutos.

VER. GILBERTO DO AMARANTE: perdão presidente deixa que eu aqui buscar meu requerimento.

PRES. ELEONORA BROILO: Eu tenho o requerimento o senhor quer?

VER. GILBERTO DO AMARANTE: Deixa eu pegar aí que acho que não… Esse aqui acho que foi apresentado. Deixa eu até nós fizemos junto com o Thiago esse requerimento doutora Eleonora então de acordo com a CONAMA de nº 357/2005 um efluente tratado não pode mudar a características do recurso hídrico receptor no rio, riacho e etc. os padrões de emissão deverão ser readequados caso haja o comprometimento do corpo receptor. Visto que, de acordo com relatos e pronunciamento do gerente da CORSAN identificou-se um lançamento de efluente no riacho que liga Nova Sardenha a comunidade de Linha Muller. Solicitamos: relação de análises comprovando que o efluente se enquadra na legislação e que a mudança na coloração do riacho não mude sua característica; cópia da licença ambiental vigente da Estação de Tratamento de Nova Sardenha. Ou seja, isso aqui é um requerimento para a CORSAN para ela dos efluentes que eu acho que até já foi falado nessa Casa aqui numa outra ocasião. Então acho que até foi apresentado pelo vereador Roque se não me engano, também discutido, porque quando abre os efluentes lá na CORSAN lá na Nova Sardenha recoloca aquele resíduo que é separado muitas vezes da água pura que nós tomamos e aí é solto no riacho esta sujeira que de certa forma foi separado e aí se coloca tudo junto e onde aparece essas diferenças na coloração da água e trouxe essa demanda. Veio uma reclamação do pessoal do interior e por isso que foi então estamos encaminhando este pedido de informação para a CORSAN. Muito obrigado senhora presidente.

PRES. ELEONORA BROILO: Com a palavra o vereador Juliano.

VER. JULIANO BAUMGARTEN: Senhora presidente, eu quero solicitar vereadores Thiago Brunet e Amarante para subscrever o requerimento por que acho que é de suma importância. Onde que já há pouco tempo fizemos a solicitação de alguns documentos e a CORSAN teve a capacidade ou a incapacidade de mandar para esta Casa uma resposta pífia vexatória. E ditado: quem não deve não teme. Mas acho que a CORSAN deve alguma coisa porque não conseguir mandar uma cópia de um laudo de potabilidade da água e nem da estrutura física da barragem. E fomos sim pegos de surpresa recebemos essas imagens que são anexadas ao requerimento dos vereadores de como que ficou a coloração da água lá do Salto Ventoso, um cartão postal da nossa cidade um ponto turístico muito acessado. E nos preocupa que se eles não conseguem prestar um serviço digno/adequado tratamento de esgoto nulo/zero e ainda fazer a política oposta em vez de ajudar polui; então é vergonhoso mais uma vez tem que estar batendo nesse assunto da CORSAN. E naquela reunião que fora articulada e fora organizada pelo pela Câmara dos Deputados e a Câmara de Farroupilha na qual o meu colega vereador proponente Roque foi exibido no telão e foi apontado para a AGERGS; esta aí AGERGS tem mais um exemplo né vereador Roque de como que estão as coisas. Vocês têm que sair, o tatu tem que sair da toca, por que vim aqui dizer desculpa e desculpa; tem que vir dar resposta e que venha um documento fidedigno e que não venha simplesmente um papel dizendo que sim estamos tomando providência blábláblá. Então que a CORSAN faça jus a tudo que Farroupilha produz tudo que leva todo os meses com a contribuição de todos os cidadãos daqui. era essa minha manifestação.

PRES. ELEONORA BROILO: Vereador Roque

VER. ROQUE SEVERGNINI: Senhora presidente e demais pessoas que nos assistem. O tema aqui é a CORSAN. A CORSAN que tem tomado às páginas e páginas do poder legislativo há muitos anos e trata de um bem precioso para nós que é a água, e um bem por sinal finito. Vereador Thiago Brunet e vereador Gilberto do Amarante autores aqui proponentes do requerimento é importante nós debatermos e reforçarmos todas as possíveis oportunidades à nossa preocupação com a água e de modo especial aqui a CORSAN. Vejam bem, para quem não sabe a CORSAN tem uma estação de tratamento na comunidade de Linha Sardenha que é parte ali do 3º distrito, eles esporadicamente não sei com que frequência eles descartam o que acumula nos filtros porque é uma estação de tratamento; a água entra trata né e vai ficando os acúmulos aí né. Então esses acúmulos aí que ficam ao redor dos filtros e outros equipamentos eles de tempo em tempo eles são descartados eles são retirados dessa estação tratamento e o destino é o riacho. Parece cômico, mas não é, a CORSAN trata a água e o dejeto o descarte o excedente o que não serve ela descarta no Rio. É algo que realmente precisa ser pensado/analisado e mereceria escrever um livro de como a Companhia Riograndense de Saneamento Básico trata os seus dejetos. A CORSAN é que tem uma das prerrogativas dela coletar e tratar os dejetos os esgotos cloacais da cidade e ela larga o seu dejeto vai terceirizar alguém para tratar certamente então. E aí a explicação, a explicação é o que nos causa a maior perplexidade que é o seguinte: não há problema nisso esse produto que é descartado dentro do Rio não causa mal algum a saúde. Mas se não causa mal algum para que descartar? Para que filtrar a água então?  Se está utilizando… Eu peço espaço de liderança

PRES. ELEONORA BROILO: Espaço de liderança ao vereador Roque.

VER. ROQUE SEVERGNINI: Se está utilizando de equipamentos para purificar a água para tratar a água e entregar nas torneiras uma água saudável própria para consumo e descarta isto que não é próprio para consumo dentro de um rio e diz que esse descarte não vai matar os peixes nem tampouco poluir o rio. Ora eu sou advogado não sou técnico em nessa área de tratamento de água, enfim, nem sei qual é o nome técnico que se dá a isso, mas qualquer um pode perceber que há ali uma severa incoerência nas afirmações. E aí alguém já falou aqui, eu acho que foi professor Juliano, que esse rio ele vai despejar dentro do Salto Ventoso. Porque para quem não conhece a região ali a Sardenha, a Linha Miller, o Salto Ventoso e a queda d’água. E curiosamente esses descartes são feitos quando há contribuições de chuvas para o aumento do nível da água do rio e aí dilui mais facilmente. Eu sei que tem um TAC, que é um termo de ajustamento de conduta, que a CORSAN tem um prazo para cumprir isso, mas cá entre nós com todos os recursos que a CORSAN arrecada de cada habitação que leva água ela não retorna em investimento para o nosso município e isso é o que mais nos deixa entristecido com isso porque a gente se sente impotente frente a eles. E toda vez que eles vêm eu praticamente sou capaz nas audiências públicas sou capaz até de decorar um senta aqui outro senta aqui nessa cadeira e outro senta ali, a gente sabe até o lugar que eles vão sentar, e o discursinho decorado. Porque normalmente tu manda o guri aquele que não tem ainda capacidade para decidir doutora Clarice, ainda não tá com capacidade para decidir. Então vem aquele que dá uma enrolada que a culpa não é dele que é com outro, que o orçamento, que não sei, enfim. Então lamentavelmente a gente vê a nossa CORSAN, a CORSAN que foi fundada certamente com o intento de fornecer água tratada, mas sob o modo de fornecer e de cuidar e tratar os esgotos que Farroupilha hoje não tem. E a gente aí o vereador Tiago Ilha corroborado com o vereador Thiago Brunet ou proponente vereador Thiago Brunet levantaram até uma ideia de criar uma CPI para ver há quantas andam a questão da estação tratamento aqui em Farroupilha dos esgotos. Mereceria certamente. Quem sabe é pauta para mais adiante. Então parabéns pelo requerimento, esperamos que a CORSAN minimamente se digne a responder né.

PRES. ELEONORA BROILO: mais algum vereador gostaria de fazer uso da palavra. Se não houver manifestações colocamos em votação do requerimento nº 76. Os vereadores que estiverem de acordo permaneçam como estão; aprovado por todos os senhores vereadores e subscrito pelas bancadas. Requerimento nº 78/2022: pedido de licença. Eu passo a palavra ao vereador Eurides Sutilli.

VER. EURIDES SUTILLI: Boa noite Presidente. Boa noite colegas. Boa noite aniversariante, imprensa, o público presente, meu amigo Jones professor Jones tudo bem colega do futebolzinho do final de semana. O requerimento nº 78/2022 é sobre a dispensa de um período que vou me afastar da presença dos colegas e da Câmara, vou oportunizar um colega. ‘o vereador signatário depois de ouvida a Casa requer a vossa excelência que seja encaminhado à mesa diretora o presente requerimento para fins desse que subscreve licenciar-se nos termos do artigo 23 inciso I do regimento interno da casa legislativa pelo período de 33 dias a partir do dia 11/07/2022’. Era isso senhora presidente.

PRES. ELEONORA BROILO: Muito bem. Então a palavra está à disposição dos senhores vereadores. acho que não há ninguém querendo a palavra. Então colocamos em votação o requerimento de nº 78.  Os vereadores que estiverem de acordo permaneçam como estão; aprovado por todos os senhores vereadores encerrado o espaço de requerimentos. E passamos ao espaço determinado para apresentação e de liberação de moções.

 

MOÇÕES

 

PRES. ELEONORA BROILO: Moção nº 12: aplausos à empresa Tramontina S/A. eu passo a palavra ao vereador Maurício Bellaver.

VER. MAURÍCIO BELLAVER: Boa noite doutora Presidente. Boa noite colegas vereadores. Boa noite público presente. E um boa noite especial para a doutora Clarice Baú, está de aniversário; doutora Clarice sempre foi uma pessoa que eu segui aqui quando entrei na Câmara então seja sempre feliz e continue assim. E se a senhora me permite eu vou ter que usar mais um uns parabéns, quero dar os parabéns para o meu veio, meu pai, que completa 75 anos dia 9; Thiago Ilha ele é um guri, é um guri cara trabalha mais do que eu. E também tá de aniversário dia 9 a neta dela, minha sobrinha, Maria Luiza Bellaver e dia 11 a minha irmã, 29 anos, Mariana Bellaver. Que sempre sejam felizes né. Doutora presidente, ‘os vereadores signatários, após ouvida a Casa, requerem a Vossa Excelência que, nos termos do Artigo 121, do regimento interno desta casa legislativa, resolução nº 010/2021, seja enviada a moção de aplausos pela conquista do 2º lugar no ranking das marcas mais fortes do Brasil/2022 à Empresa Tramontina/Farroupilha. Que seja encaminhada cópia desta moção todas as unidades’. Doutora presidente 2º lugar do Brasil maior marca Tramontina está de parabéns. Ela está aqui nos nossos arredores de Farroupilha, inclusivemente ela está investindo lá em São Marcos, lá no interior. Que nós discutimos nessa Casa aqui faz uns meses aí e está transformando São Marcos e eu digo que ela continue sempre crescendo. Eu tenho um camarada meu que veio lá de Quilombo/SC há 25 anos, ele trabalha na Tramontina, Cláudir Martello, e a mulher dele também trabalha lá, Ângela Martello; dizem que a empresa é fantástica é primeiro mundo lá. Então parabéns para ela e que continue assim. muito obrigado doutora.

PRES. ELEONORA BROILO: A palavra está à disposição dos senhores vereadores. Se vereador quiser fazer uso da palavra coloca em votação então a moção nº12. Os vereadores que estiverem de acordo permaneçam como estão; aprovada por todos os vereadores e subscrita pelas bancadas. Encerrado o espaço destinado as moções. Passamos ao espaço comunicação de liderança pelo tempo de até 3 minutos para manifestações sobre ações da bancada ou bloco parlamentar.

 

ESPAÇO DE COMUNICAÇÃO DE LIDERANÇA

 

PRES. ELEONORA BROILO: Com a palavra o líder de bancada… Não havendo manifestações encerrasse o espaço de liderança. Passamos ao espaço de explicação pessoal aos vereadores pelo tempo de até 2 minutos para falar de ações de seu gabinete ou assunto de interesse coletivo.

 

ESPAÇO DE EXPLICAÇÃO PESSOAL

 

PRES. ELEONORA BROILO: Com a palavra o vereador… Não há vereador. Encerrasse o espaço de explicação pessoal. Espaço do presidente por até cinco minutos.

 

ESPAÇO DO PRESIDENTE

 

PRES. ELEONORA BROILO: Presidente não fará uso de seu espaço. Encerrasse o espaço de presidente. Nada mais a ser tratado nesta noite declaro encerrados os trabalhos da presente sessão ordinária. Muito obrigado a todos.

 

 

 

 

 

 

Eleonora Peters Broilo

Vereadora presidente

 

 

 

 

Tadeu Salib dos Santos

Vereador 1º Secretário

 

 

OBS: Gravação, digitação e revisão de atas: Assessoria Legislativa e Apoio Administrativo.