Pular para o conteúdo
05/03/2021 16:52:08 - Farroupilha / RS
Acessibilidade
Atualizado em 13 de agosto de 2019

Pesquisadora busca fomentar o Talian nas novas gerações

A pesquisadora e linguista italiana, Giorgia Miazzo está de passagem no Brasil, e nesta semana esteve na Câmara de Vereadores explanando aos vereadores sobre seu projeto de fomento ao dialeto da região norte da Italia, o Talian.

A língua chegou no Brasil em torno de 150 anos atrás, através dos primeiros imigrantes italianos. Sua origem é da região do Vêneto, e até nos tempos de hoje ela é cultivada pelos italianos daquela região.

Segundo Giorgia, no Brasil os italianos que emigraram para o país se estabeleceram nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. Entre eles, 40% são da região do Vêneto. A pesquisadora desmistifica a ideia de que o Talian é uma língua utilizada exclusivamente no Brasil.

Para isso, os vereadores receberam o material do Projeto “Scoprendo i Cantando in Talian”, cujo propósito é estimular a cultura do Vêneto que em razão das censuras políticas das décadas de 30 e 60, as novas gerações de descendentes italianos perderam a prática do Talian.

Para esse incentivo a italiana sugere políticas públicas como datas oficiais e cursos da língua junto ao estudo da imigração italiana nas salas de aula.

Texto e foto: Gabriel Venzon | MTE 18.804